quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Vai dar merda

Quem me conhece sabe que ouço direto uma emissora daqui de Salvador, de jornalismo.
Chego inclusive a ligar, denunciar, participar dos programas. E o âncora chefe desta emissora já disse uma vez que todo político deveria ter um assessor com "culhões" suficientes para ser o assessor "Vai dar Merda"!

Eu acho que não só políticos, mas executivos, presidentes de empresas, precisam de uma pessoa que seja o que diz "Vai dar merda", quando algum deles acha que teve uma ideia brilhante.

Por que estou escrevendo sobre isso? Bom, ontem as pessoas que moram ou tinham que acessar o Farol da Barra, ou as imediações de lá, passaram por um suplício, verdadeiro calvário!

A Ford inventou de gravar um comercial com Bel Marques e fechou a orla da Barra, do Farol até um Centro Comercial, das 05 às 18hrs, e se extendeu por mais do que as 18hrs.
Resultado: tudo parou por ali!

Os autorizados a passar eram só moradores comprovados. Agora imaginem quem tem comércio, os hoteis da região que estão cheios de turistas, as pessoas que precisavam acessar o Hospital Espanhol, um dos particulares maiores da cidades?!!!

Será que na hora que a agência veio com a ideia do comercial não tinha ninguém para pensar que isso seria péssimo para a imagem da empresa? Por que não gravar em um horário menor, bem cedo, para não atrapalhar a vida das pessoas? Será que se fosse a Av Paulista isso seria aceito, ou somos uma cidade de babacas, que "abrem as pernas" para qualquer coisa, sem administração pública de pulso?

Como era de se esperar, a noite, ouvindo a rádio que citei no inicio da postagem, os ouvintes ligavam revoltados, inclusive dizendo que nunca comprariam carro da Ford.

Tudo bem que sabemos que memória de brasileiro é curta e a de baiano é inexistnete, e que quando o comercial começar a ser veiculado, os babacas daqui vão achar lindo e ainda vão dançar a musiquinha no carnaval.

Entretanto, se a Ford tivesse um assessor "Vai Dar Merda" todo o contratempo poderia ser evitado; afinal, imagem de empresa é tudo sim!

4 comentários:

SaoNunca disse...

o cara que diz "vai dar merda" depois tem que aparecer dizendo "eu te disse, eu te disse" igual à motoquinha do desenho eheehehe

lilaemarcelo disse...

Noossa SaoNunca, vc é contemporâneo meu para lembrar da motoquinha!!! Desenho massa. Com certeza o assessor vai dar merda, se não puder dizer, vai pensar isso sim, com aquele sorrizinho de canto de boca!

emmibi disse...

A questão maior não é ter o assessor. É ouvir o assessor.

Lu disse...

Sem querer puxar a sardinha, mas em SP realmente não acontece. O trânsito não anda por vários outros motivos, mas ninguém faz o que bem entende na rua. Se o seu carro quebrar, sempre aparece um fdp da companhia de trânsito para "informar" que vc precisa tirar seu carro dali nem que seja nas costas. E qualquer tipo de evento, filmagem ou o que quer que seja precisa ter autorização da subprefeitura que cria milhares de problemas.