quinta-feira, 11 de novembro de 2010

E quem disse que não há diversão sem dinheiro?!

Estava para publicar este post desde a segunda, mas acabei protelando.
Algo que sempre converso com Marcelo é como eu e ele conseguimos nos divertir sem grana.
Claro que quando há grana, a possibilidade aumenta, mas a falta dela não nos impede de ter diversão.

Estamos pasando por um moment financeiro delicado, então, agora tudo que pudermos fazer sem gastar, será bem vindo.

Domingo nos deu mais uma oportunidade desta. Na cidade temos o Parque da Cidade, um espaço arborizado(dãh) que fica no meio de área considerada nobre da cidade.

Nos meus tempos de infância, minha avó costumava me levar ao Parque para brincar; era um tempo em que o Parque da Cidade costumava ter um pouco de segurança e valia-se a pena fazer piquenique lá.

Pois bem, o Parque hoje tem um projeto muito legal, Música no Parque, onde bons músicos se apresentam na concha acústica que foi construída dentro da área arborizada.
No domingo passado resolvemos, (aproveitando para fazer uma bela caminhada), assistir a Orquestra Rumpilezz.

A orquestra por si só já vale a ida; é a melhor referência musical da Bahia dos últimos 20 anos!
Uma proposta perfeita que envolve a genialidade de grandes artistas!
Quem não ouviu, procure na internet e ouça.

Entretanto, ouvir Rumpilezz rodeada de árvores, sentada na grama, com Marcelo foi mais do que bom! Uma manhã agradabílissima, onde não gastamos 01 centavo, pois levamos água.

Evidente que se tivéssemos grana, depois da show iríamos tomar uma cerveja gelada com caranguejos no bar da Piaui, mas, em não existindo fundos, voltamos igualmente felizes para casa!

Um comentário:

O Sábio disse...

Este é o tipo de post que da uma "sacudida" no leitor e faz ele lembra que existe vida alem do cotidiano.