segunda-feira, 1 de março de 2010

Constatações.

Niver chegando(quinta, dia 04), inferno astral instalado.
Preocupação: em 05 anos estarei fazendo 40 anos. Me dei conta disso no sábado.

Meu marido(que não é burro, nem idiota e sabe protejer o futuro dele) me disse que serei a quarentona mais linda da década(ele usou outros termos, mas vamos deixar a leitura apta para crianças). Entretanto, me ver com o "pé" nos 40 me deixa meio estranha; sensação de ter que "correr atrás do lucro" o mais rápido possível! Quando era mais jovem, me imaginava com 30, mas não com 40 anos.

A mulher de 40 teve uma mudança drástica na última década, mas ainda é vista como velha. O homem está na fase melhor dele ao chegar aos 40. Já está resolvido financeiramente, conversa bem, já não é afoito e sabe os "caminhos de ouro" das mulheres.

As mulheres chegam aos 40 anos lutando em conseguir achar os pontos fortes que ainda resistem à gravidade, ao tempo. Fazem o dobro de ginástica, comem metade do que comiam aos 20 e não emagrecem nem 1/3 do que conseguiam com isso tudo.
Eu me fiz um favor: não subo em balança até ter plena certeza que emagreci pelo menos uns 08 kilos. Para quê procurar notícia ruim?!
As solteiras têm grandes dificuldades em achar algo que preste: os mais novos têm interesse, mas sem compromisso; os mais velhos têm compromisso, mas não interesse.

Ainda bem que tenho um filho que é um gentleman: esta semana ele me disse que eu pareço mais irmã dele que mãe, que colegas na escola perguntaram se eu era irmã. Ainda me veio ontem dizer que sua madrasta, a mulher do pai, disse que eu tenho barriga de tanquinho e um corpo ótimo! Depois dessa, liberei ele de presente de aniversário este ano!

Para os outros, aceito mimos: flores, jóias, vinhos, cartões, o que acharem mais a minha cara!

3 comentários:

Cláudia disse...

De certa forma fiquei contente em ler sobre suas preocupações com a chegada dos temíveis 40 anos. Estou na sua frente, você sabe, rsrs. Pensei que essas preocupações fossem uma particularidade minha, mas tenho "pesquisado" e descobri outras mulheres que passam, ou passaram por esse momento, com a mesma aflição. Seria reflexo da pressão da sociedade sobre a mulher (ainda?)? Mas na minha "pesquisa" também descobri homens que admitiram ter sentido essa sensação, essa necessidade de "correr atrás do prejuízo". É a constatação de que o tempo passa? Então, passa para todos...Não fique aflita, aproveitemos cada fase, todas têm sua beleza. Um grande beijo, muita felicidade, e continue linda, com 35, com 40, o que importa?

lilaemarcelo disse...

Obrigada Bambão! Acho sim que a mulher ainda sofre muito, apesar de toda evolução da humanidade, mas o peso dos anos passando caem nas costas de todos

Elly disse...

Mamãe manda dizer que apesar de sua idade ela te vê como um neném.
Eu não até porque vc é a mais velha...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk